Memorial Descritivo

Hospital Naval Marcílio Dias

Logradouro: Rua Cezar Zama, 185
Bairro: Lins de Vasconcelos
Cidade: Rio de Janeiro
Estado: RJ
Telefones: PABX: (21) 25995599 - FAX: (21) 2269-7747
Emails: daniella@hnmd.mar.mil.br
Site: www.mar.mil.br/hnmd

Identificação

Nome do serviço: CLÍNICA DE OTORRINOLARINGOLOGIA DO HOSPITAL NAVAL MARCÍLIO DIAS

Diretor do serviço: DANIELLA LEITÃO MENDES

Coordenador da especialização e/ou residência médica: DANIELLA LEITÃO MENDES

Chefe dos especializandos/residentes: NILCE SANNY COSTA DA SILVA BEHRENS

Duração do curso: 03 ANOS

Carga horária semanal: 60 HORAS/ SEM

Número de vagas: 02 / ANO

Número de preceptores: 10

Especializandos/residentes do 3°ano:
THIAGO DOLINSKI SANTA ROSA OLIVEIRA
REGIS MARCELO FIFELIS

Especializandos /residentes do 2°ano:
DEBORAH FRANCO ABRAHÃO
KARLOS KEMPS LIMA DA SILVA
BIANCA MAMEDE PASSOS

Especializandos /residentes do 1°ano:
LUCIANA RIBEIRO MAGALHÃES
LARA SILVA DE CARVALHO
DANIEL NUNES AZEVEDO BRAZ

Ia. Áreas de treinamento
Faringologia
Otologia
Rinologia
Laringologia e Voz
Otoneurologia
Cirurgia Estética Facial
Cirurgia de Cabeça e Pescoço

Ib. Locais de treinamento

  • Hospital Naval Marcílio Dias: ambulatório, enfermaria, centro cirúrgico, emergência, laboratório do sono.

  • Policlínica Naval Nossa Senhora da Glória: ambulatório.

  • Hospital Municipal Souza Aguiar: emergência

  • Fundação Oswaldo Cruz: ambulatório (granulomatoses nasais)

Ic. Atividades

1a. Científicas

  • Reunião científica geral

TERÇA-FEIRA – 11 hs

  • Sessão de casos clínicos

SEGUNDA-FEIRA – 08 hs

1b. Clínicas

  • Ambulatório diário

SEGUNDA A SEXTA-FEIRA 7H ÀS 15H

  • Pronto atendimento

SEGUNDA A SEXTA-FEIRA 7H ÀS 15H

  • Plantões de emergência

SEGUNDA A SEXTA-FEIRA 15 ÀS 07H
SÁBADOS E DOMINGOS 24 HORAS

1c. Exames complementares:

VECTOELETRONISTAGMOGRAFIA
ELETROCOCLEOGRAFIA
AUDIOMETRIA DE TRONCO CEREBRAL (BERA)
POLISSONOGRAFIA
VIDEOLARINGOESTROBOSCOPIA
ENDOSCOPIA NASAL
VIDEOENDOSCOPIA DA DEGLUTIÇÃO
AUDIOMETRIA TONAL E VOCAL
IMITANCIOMETRIA
AUDIOMETRIA COMPORTAMENTAL
EMISSÕES OTOACÚSTICAS
PROCESSAMENTO AUDITIVO CENTRAL

1d. Cirúrgicas

Período:

QUARTAS (01 SALA), QUINTAS (01 SALA) E SEXTAS-FEIRAS (02 SALAS)7H ÀS 17H

1e. Dissecção de osso temporal, nariz, laringe e cirurgia de cabeça e pescoço.       

 

Instalações

Instituição:



II.a. Consultórios

08 CONSULTÓRIOS, 02 DELES COM EQUIPAMENTO DE VIDEOENDOSCOPIA

02 SALAS DE REALIZAÇÃO DE EXAMES (OTONEUROLÓGICOS/AUDIOMÉTRICOS)

02 SALAS DE PROCEDIMENTOS COM MICROSCÓPIO CIRÚRGICO E FOCO

LABORATORIO DO SONO COM 02 LEITOS

FOTO 1: CONSULTÓRIO COM EQUIPAMENTO DE VIDEOENDOSCOPIA E MICROSCÓPIO

FOTO 2: CONSULTÓRIO DE ATENDIMENTO GERAL

FOTO 3: CONSULTÓRIO DE ATENDIMENTO INFANTIL

Mobiliário e Equipamentos:

MESA TIPO ESCRITÓRIO C/2 GAVETAS

ARMÁRIO EM AÇO +VIDRO

EQUIPO PARA ORL COM CORPO EM ALUMÍNO C/ RODAS GIRATÓRIAS E GAVETAS, PINTURA C/ TINTA EPOXI, 01 SUPORTE DE TRÊS NÍVEIS P/ RECIPIENTES LÍQUIDOS E SÓLIDOS, 01 SUPORTE PARA PONTEIRAS DO LAVADOR E ASPIRADOR, 01 SUPORTE PARA OTOSCÓPIO, 01 FOTÓFORO DE LED

CADEIRA PARA ORL EM AÇO PINTADA COM TINTA EPOXI, COM SISTEMA DE ELEVAÇÃO ELÉTRICO S/ ÓLEO, C/ ENCOSTO DA CABEÇA ESCAMOTEAVEL, BRAÇO ESCAMOTEAVEL, MOVIMENTO DE ENCOSTO E PERNEIRA ELÉTRICO SIMULTANEO, ATINGINDO A POSIÇÃO FINAL DE 180°

FOTOS 4 E 5: SALAS DE PROCEDIMENTOS

Mobiliário e Equipamentos: Sala foto 4

FOCO DE LUZ COM PÉ FLEXIVEL

MICROSCÓPIO CIRÚRGICO MARCA DF VASCONCELOS

BANCO EM AÇO PLÁSTICO COM RODÍZIO

LIXEIRA EM AÇO

ARMÁRIO DE AÇO+ VIDRO 160X60X60 Cm

LIXEIRA EM AÇO

MARCA MERCEDES-IMEC

FOTO 6: RECEPÇÃO E SALA DE ESPERA

FOTOS 7 E 8: CONSULTÓRIOS

Equipamentos em cada um:

EQUIPO PARA ORL COM CORPO EM ALUMÍNO C/ RODAS GIRATÓRIAS E GAVETAS, PINTURA C/ TINTA EPOXI, 01 SUPORTE DE TRÊS NÍVEIS P/ RECIPIENTES LÍQUIDOS E SÓLIDOS, 01 SUPORTE PARA PONTEIRAS DO LAVADOR E ASPIRADOR, 01 SUPORTE PARA OTOSCÓPIO, 01 FOTÓFORO DE LED

CADEIRA PARA ORL EM AÇO PINTADA COM TINTA EPOXI, COM SISTEMA DE ELEVAÇÃO ELÉTRICO S/ ÓLEO, C/ ENCOSTO DA CABEÇA ESCAMOTEAVEL, BRAÇO ESCAMOTEAVEL, MOVIMENTO DE ENCOSTO E PERNEIRA ELÉTRICO SIMULTANEO, ATINGINDO A POSIÇÃO FINAL DE 180°

NEGATOSCÓPIO 01 CORPO 110V PARA PAREDE, TAM APROX 48X39 CM

FOTOS 9 E 10: CONSULTÓRIOS COM EQUIPAMENTO DE VIDEOENDOSCOPIA

Mobiliário e Equipamentos: Sala da Foto 10

MESA  AUXILIAR INEQUIL TIPO 1051 REVE

LIXEIRA EM AÇO

CABO DE FIBRAÓPTICA FERRARI

ÓTICA 4MM 00 MARCA ASAP

MICRO CAMERA PARA VIDEOENDOSCOPIA NASAL E LARINGEA COM CONTROLE AUTOMÁTICO MANUAL ALTA RESOLUÇÃO MÍNIMO DE 450 LINHAS RESOLUÇÃO HORIZONTAL. ALTA SENSIBILIDADE DE NO MÍNIMO 02 LUX OBTURADOR DE ALTA VELOCIDADE, 1/2.000.000SEG SISTEMA DE BALANÇO NA COR BRANCA AUTOMATICA E MANUAL NTSC 100; 240VAC

MICROSCÓPIO  CIRÚRG. ESTA. DE CHÃO COM RODÍZIOS BINOC. INCL. OCULAR GRANDE ANG. 12,5 C/CONTR. DE DIOPTRIA, OBKT. 250MM, FILTRO COR AZUL E LARANJA, BRAÇO PANTOG. ILUMN. ATARV, DE CABO DE FIBRA OTPTICA FLEXÍVEL, CAMPO DI

SISTEMA DE SOM COM PRE AMPLIFICADOR E MICROFONE DE LAPELA PARA SISTEMA DE VIDEOLARINGOSCOPIA

ÓTICA DIAMETRO 4MM DE COMPRIMENTO 18 CM-30º P/ ENDOSCOPIA NASAL

ÓTICA DIAMETRO 8MM COMPRIMENTO 18CM 70° PARA LARINGE

TELEVISÃO DE LCD MARCA SANSUNG 19” MODELO LN19A330J1XZD BL

MICROCOMPUTADOR DELL OPTIPLEX 755 DT C/ PROCESSADOR INTEL DUAL CORE E2200, 2.20GHZ . MB CACHE 12, FSB 800 MHZ, MEMORIA RAM 1 GB SDRAM DDR2, 800 MHZ,  EXPANSIVEL ATÉ 8GB DE MEMORIA EM 4 SLOTS

FOTOS 11 E 12: SALA DE EXAMES AUDIOLÓGICOS

FOTOS 13 A 16: INSTITUTO DE PESQUISAS BIOMÉDICAS COM LABORATÓRIO DE MICROCIRURGIA E SALA DE VIDEOCIRURGIA

FOTOS 17 E 18: SALA DE EXAMES OTONEUROLÓGICOS

Mobiliário e Equipamentos:

MESA TIPO ESCRITURARIA C/2 GAVETAS 1

LIXEIRA EM AÇO

CADEIRA  ELETRÔNISTAGMOGRAFIA

ELETRONISTAGMOGRAFO TONNIES

MESA PARA EXAME CLÍNICO

NEGATOSCÓPIO EM ACRILICO MARCA BAUMER

APARELHO P/ REGISTRO POTENCIAIS EVOC

CALORIC AIR STIMULATOR WITH 2 ADJ

VECTONISTAGMÓGRAFO DIGITAL OTOCALORIMETRO A AR MARCA NEUROGRAFF

SISTEMA COMPUTADORIZADO  DE VECTOELETONISTAGMOGRAFIA, INCLUINDO MÓDULO DE AQUISIÇAO DE SINAIS( ALIMENTEÇÃO 110/220V, 2 OU 3 CANAIS , CALIBRAÇÃO ELETRÕNOCA, AJUSTE DE SENSIBILIDADE, TECNOLOGIA DIGITAL, MICROPROCESSADOR DE 8 BITS, ISOLAÇÃO ÓTICA E GALV. MARCA NEUROGRAFF

KIT GRAVAÇÃO DE ELETROENCEFALOGRAFIA FONE DE INSERÇÃO EARTONE ER 39. CABO ELETRODOECOCAG. UM ELETRODO NÃO INVASIVO PARA ECOGIG P/ AP. AMPLAID MK 12

SISTEMA P/ VIDEONISTAGMOSCOPIA COMPUTADORIZADA POR INFRAVERMELHO (VIDEO FRENZEL DIGITAL)

GABINETE ATX CORE DUAL, 2GHZ, HD 160 GB, 1GB DE MEMÓRIA E GRAVADOR DE DVD N/S 542148

ESTANTE EM MADEIRA COM 3 GAVETAS E 3 PRATELEIRAS

ESTANTE EM MADEIRA COM 3 GAVETAS, 1 PORTA E 3 PRATELEIRAS

ESCADINHA DE 2 DEGRAUS

 

FOTOS 19 E 20: LABORATÓRIO DE POLISSONOGRAFIA

 

Locais de atividades científicas e de ensino

Biblioteca

Revistas

  • bi-monthly review of ENT and Audiology.

  • ACTA ORL: Técnicas em Brazilian Journal of Otorhinolaryngology. E.N.T. Brazilian Society Official Publication.

  • Otolaryngology – Head and Neck Surgery.

  • Otology ɛ Neurotology.

  • ENT News: The Otorrinolaringologia.

  • Arquivos Internacionais de Otorrinolaringologia.

  • Arquivos de Otorrinolaringologia.

  • Arquivos da Fundação de Otorrinolaringologia.

  • Arquivos Brasileiros de Medicina Naval.

  • Revista da Sociedade de Otorrinolaringologia do Rio de Janeiro.

  • Revista Brasileira de Medicina OR (RBM): Controvérsias e Interfaces.

  • Compacta: Temas em Otorrinolaringologia e Cirurgia da Cabeça e Pescoço.

  • JBM: Jornal Brasileiro de Medicina.

Livros

  • Otorrinolaringologia – Cirurgia de Cabeça e Pescoço – Volumes 1, 2 e 3. Bailey, B.J.; Johnson, J.T. Editora Revinter.

  • Otorrinolaringologia: Princípios e Prática.  Editora Artes médica – Sady Selaimen da Costa, Oswaldo Laércio Mendonça Cruz, José Antonio A. de Oliveira e Colaboradores. Editora Artmed.

  • Otorrinolaringologia.  Hungria - Editora Guanabara Koogan

  • Tratado de Otorrinolaringologia da Sociedade Brasileira de Otorrinolaringologia. Volumes 1 a 5 - Editora Roca

  • Techniques Encyclopédie Médico- Chirurgicale Oto-Rhino-Laryngologie – Volumes 1 a 6– Editions techniques.

  • Otorrinolaringologia – Cirurgia de Cabeça e Pescoço.  Editora Roca

  • Ear, Nose, and Throat diseases – A pocket Reference.  Editora Thieme

  • PAIR – Perda Auditiva Induzida por Ruido.   Editora Bagaggem Comunicação Ltda.

  • Laringologia Pediatrica - Editora Roca

  • Manual de Urgências em Otorrinolaringologia  - Editora Revinter   

  • Fundamentos de Audiologia  -  2 ª edição  -  Artmed

  • Timpanoplastias - Editora Brasileira de Medicina S.A

  • Condutas na Vertigem - Grupo editorial Moreira Junior

  • Clinicas médicas da América do Norte – Atualização em Otorrinolaringologia – Cirurgia de Cabeça e Pescoço II. Interlivros.

  • The Pediatric Clinics Of North America – Pediatric Otolaryngology. W.B Saunders Company.

  • Mucus et Maladies Respiratories - Excerpta medica

  • Tratado de Audiologia Clínica - 4ª Ed - Editora Manole

  • Otolaryngology – Volume 1 e 3 - Saunders

  • Mri and CT Atlas of correlative Imaging in Otolaryngology  - Editora Martin Dunitz

  • L’endoscopie Rhinosinusal Moderne - Morell Officina Grafica

  • Cavidade do Nariz e Seios Paranasais -  Editora Alldent

  • Diseases of the Sinuses – A Comprehensive Textbook of Diagnosis and Treatment - Editora Humana Press

  • Manual de diagnóstico de otorrinolaringologia -  Michael Hawke, Brian Bingham, Heinz Stammberger, Bruce Benjamin. Volumes 1, 2, 3, 4, 5 e 6. Editora Medica.

  • Segredos em alergia e imunologia – Stanley M. Nagura; M. Eric Gershwin.

  • Manobras para Vertigem Posicional Paroxística Benigna – Michel Toupet.

  • Cirurgia Endoscópica Nasossinusal –  Peter Jonh Worlmad – Editora Revinter.

  • Atlas de Anatomia Humana – Sobotta – Volumes 1 e 2 – Editora Guanabara Koogan;

  • Atlas de Cirurgia do Ouvido – Rafael Ramirez Camacho – Editora Revinter.

  • Medicina e Biologia do Sono- Sergio Tufik – Editora Manole.

  • Tratado de Otologia – Bento, Minitti, Marone – Editora FAPESP.

  • V Manual de Otorrinolaringologia Pediátrica Pediátrica da IAPO – Tânia Sih, Alberto Chinski, Roland Eavey, Ricardo Godinho.

  • Rinite alérgica: conhecendo melhor – Dirceu Sole, Evandro Prado, João Ferreira de Mello Junior.

 Videoteca

Informatização científica on-line

Auditório, sala de reuniões e recursos audiovisuais

 AUDITÓRIO

 

SALA DE REUNIÕES:

IIIa. Cursos teóricos, reuniões bibliográficas, discussão de casos clínicos e cirúrgicos, sessão de vídeos (citar cronograma das reuniões - temas discutidos, dia da semana, período da reunião).

Cursos Teóricos:

1. Aulas Teóricas: Ocorrem às terças ou quartas-feiras, semanalmente, a partir das 18hs, 2 aulas, com duração cada uma de 1 hora e meia, no Hospital Universitário Gaffrée e Guinle. São aulas dadas por especialistas da área. É um programa com duração de 3 anos, em que há módulos revisionais das diversas áreas da ORL. O cronograma de cada módulo é definido ao seu inicio. Sendo que até o momento só está disponível o de Rinologia, já ocorrido. Vide abaixo:

01- 22/02/2011.

Viagem Tridimensional à Anatomia do Nariz e das Cavidades Paranasais. Alexandre Filippu Neto -      Instituto Felippu - SP

02- 15/03/2011.

Atresia Coanal. Maria Helena - UniRio

Imagens em Rinologia - Heraldo Brlmont - 3D Diagnose

03- 22/03/2011.

Tratamento Cirúrgico da Obstrução Nasal - Jorge Valentim

04- 29/03/2011.

Rinite não Alérgica e Rinite Atrófica - Maria Helena  - UniRio

Rinite Alérgica - Norma Rubini UniRio

05- 12/04/2011.

Descompressão Orbitária e Dacrio -  Benivaldo - UniRio

Rinites Específicas - Claudia Valete -  FioCruz

06-19/04/2011

Tumores Benignos e Malignos - Roberto Meirelles - UERJ

Rinossinusite Aguda / Crônica - Moacir Tabasnik - Policlinica de Botafogo

07- 26/04/2011

Respirador Bucal - Daniela Portinho - Oto Grupo

Polipose Nasal - Maria Helena - UniRio

08- 10/05/2011

Discinesias / Fibrose Cística - Terezinha Martires  - UniRio

Cirurgia Endoscópica -Maria Helena - UniRio

09- 17/05/2011

Corpo Estranho - Glace  Mara - Clínica Septo

Rinossinusite Fúngica - Ednilson Cesar - Clínica Septo

10- 24/05/2011

Rinosseptoplastia - Alonço Viana -    Hosp Naval Marcílio Dias

Septoplastia/Turbinectomia  Vânia Paes / Renata   Clínica Vanifez

11-31/05/2011

Epistaxe -  Walter Machado - Hosp Mun Souza Aguiar

Complicações da Rinosseptoplastia – Geraldo - OtoSCience

 2. Canal Teórico: São aulas oferecidas pela Coordenação da Residência Médica a todos os residentes e especializandos do Hospital Naval Marcílio Dias. Ocorrem todas as sextas-feiras , das 10hs as 11hs. Segue o cronograma de 2011:

04/03/11 = Laboratório de Microbiologia

11/03/11 = DIP

18/03/11= DIP

25/03/11= DIP

01/04/11= DEP. Radiologia

08/04/11= Medicina Nuclear

15/04/11= Clínica Médica

22/04/11= Semana Santa

29/04/11= Cardiologia

06/05/11= Endocrinologia

09 a 13/05/11= Evento no Centro de Estudos

20/05/11= Pneumologia

27/05/11= Gastroenterologia

03/06/11= Hematologia

10/06/11= Neurologia

17/06/11=Nefrologia

24/06/11= Pediatria

01/07/11= Dermatologia

08/07/11= Geriatria

15/07/11= Medicina Hiperbárica

22/07/11= Oncologia

29/07/11= Reumatologia

05/08/11= Reservado para o gabinete

12/08/11= Cirurgia Geral

19/08/11= Ginecologia

26/08/11= Obstetrícia

02/09/11= Cirurgia Torácica

09/09/11= Cirurgia Vascular

16/09/11= Proctologia

23/09/11= Otorrinolaringologia

30/09/11= Neurocirurgia

05 a 07/10/11= Evento no Centro de Estudos

14/10/11= Urologia

21/10/11= Evento no Centro de Estudos

28/10/11= Oftalmologia

01 a 04/11/11= Evento no Centro de Estudos

11/11/11= Reservado para o Gabinete

18/11/11= Hemoterapia

25/11/11= UTI

Reuniões Bibliográficas / Sessão de vídeos:

Ocorrem todas as terças, de 15hs às 17hs. A cada reunião, 1 residente apresenta 1 aula. Neste encontro, participam todos os residentes e aperfeiçoandos: R1, R2 e R3. Nestas reuniões são discutidos temas como: anatomia, fisiologia e principais patologias da área otorrinolaringológica. Após, há exposição de vídeo relacionado. Os temas são definidos antecipadamente pelos próprios residentes. A seguir, seguem os temas já expostos em 2011:
Anatomia e fisiologia da orelha;
Anatomia e fisiologia do nariz e seios paranasais;
Anatomia e fisiologia de cavidade oral, faringe e anel linfático;
Patologias otológicas / orelha externa:
Corpo estranho de conduto, trauma, otites, colesteatoma de conduto, tampões de cerume e epidérmicos, dermatites de conduto;
Patologias otológicas / orelha média:
OMA e OMA recorrente, complicações de otites médias e mastoidites;
Disfunção tubária e OMS, OMC não colesteatomatosa;
OM colesteatomatosa, Técnicas cirúrgicas;
Patologias otológicas / orelha externa:
PAIR e barotrauma, ototoxicidade e otoproteção;
Surdez hereditária, trauma acústico e doenças imunomediadas;
Presbiacusia e otosclerose;
Reabilitação da perda auditiva na infância;
Transtorno vestibular;
Zumbido;
Massas cervicais na infância.

Discussão de casos clínicos e cirúrgicos:

1.Clube da Revista: Ocorre  toda sexta-feira de 6:30hs as 7:00hs. A cada semana é designado um residente médico ou aperfeiçoando para conduzir o clube da revista na semana seguinte. Este deverá providenciar artigos ou casos clínicos, devendo trazer 1 cópia aos demais residentes, para discussão deste em grupo com algum preceptor. A escolha de temas é livre. Sem cronograma definido.

2.Comissão de Oncologia: Ocorre toda segunda-feira de 09hs as 11hs. Esta comissão é constituída por médicos de várias especialidades, oncologistas e radioterapeutas. Aqui, discute-se estadiamento e conduta dos casos oncológicos da clínica.

IIIb. Programa de Educação Médica Continuada

  1. PRO- ORL

  2. OTOWEB

  3. Reuniões Mensais da Sociedade de Otorrinolaringologia do Rio de Janeiro.

IIIc. Reuniões Gerais da Clínica de Otorrinolaringologia: Segundas-feiras às 12h

IIId. Sala de Reuniões da Clínica de Otorrinolaringologia:

 

Atividades Ambulatoriais

IV.a  Número de atendimentos

Atendimento médio diários no serviço = 60/dia
Procedimentos realizados durante o ano:  vide estatísticas de cirurgias abaixo
Consultas no ano por especializando/residente: 1000/ano
Internações cirúrgicas: 36 cirurgias/mês e 108 cirurgias/ano:
Internações clínicas: 12 internações/semana, 48 internações/mês e 580 internações/ano.
Audiometria tonal limiar: 62/semana, 250/mês, 3000/ano
Impedanciometria: 42/semana, 166/mês, 2000/ano
Teste de discriminação da fala: 34/semana, 136/mês, 2060/ano
Eletronistagmografia: 5/semana, 22/mês, 270/ano
Laringoscopia rígida: 20/semana, 80/mês, 960
Endoscopia nasal rígida: 10/semana, 40/mês, 480/ano
Nasofibroscopia flexível: 15/semana, 60/mês, 720/ano
Videolaringoestroboscopias: 5/semana, 20/mês, 240/ano

 

Atividades cirúrgicas

Relacionar nome e quantidade das atividades cirúrgicas realizadas no último ano

  • Septoplastia + Turbinectomia: 108

  • Adenoamigdalectomia: 71

  • Amigdalectomia: 49

  • Cirurgia endoscópica nasal: 47

  • Colocação de tubo de ventilação: 34

  • Microcirurgia de laringe: 27

  • Adenoidectomia: 24

  • Timpanoplastia: 22

  • Faringoplastia modificada: 21

  • Rinosseptoplastia: 18

  • Cauterização de cornetos: 13

  • Mastoidectomia: 12

  • Estapedectomia: 10

  • Turbinectomia: 9

  • Frenectomia lingual: 5

  • Adenoidectomia via endoscópica: 4

  • Blefaroplastia: 3

  • Traqueostomia: 2

  • Biópsia da cavidade oral: 2

  • Redução de úvula: 2

  • Retirada de tubo de ventilação: 1

  • Correção de fístula liquórica via endoscópica: 1

  • Sonoendoscopia: 1
     

IVb . Escala de docentes no ambulatório/centro cirúrgico

MARINHA DO BRASIL
HOSPITAL NAVAL MARCÍLIO DIAS
CLÍNICA DE OTORRINOLARINGOLOGIA

GRADE SEMANAL DOS PROFISSIONAIS:
                       
       

************

SEGUNDA-FEIRA

TERÇA-FEIRA

QUARTA-FEIRA

QUINTA-FEIRA

SEXTA-FEIR

 

 

 

MANHÃ

 

*CC(MD) DANIELLA

*CC(MD) NILCE
*CC(MD) LANA

 

*CC(MD) DANIELLA

*CC(MD) NILCE

*CMG(MD-RM1) VALNAR MUNK - AMB.

*CF(MD-RM1) MARIO
 -OTONEURO

*FC ALONÇO - AMB

 

*CC(MD) NILCE

*CMG(MD-RM1) VALNAR MUNK   - AMB.

*F.C ALONÇO – CIRUR.

*CC(MD) LANA -CIRUR.

*FC ANGELA -AMB

 

*CC(MD) DANIELLA-CIRUR.

*CC(MD) NILCE

*CF(MD-RM1) MARIO -OTONEURO

*F.C ALONÇO – CIRUR.

*FC LUZIA – CIRUR.

*FC ANGELA -AMB

 

*CC(MD) DANIELLA

*CC(MD) NILCE -CIRUR

*CF(MD-RM1) MARIO -OTONEURO

*F.C ALONÇO – CIRUR.

 

*CC(MD) LANA – CIRUR.

************

SEGUNDA-FEIRA

TERÇA-FEIRA

QUARTA-FEIRA

QUINTA-FEIRA

SEXTA-FEIRA

 

 

TARDE

*CC(MD) DANIELLA

*CC(MD) NILCE

*CC(MD) LANA

*CC(MD) DANIELLA

*CC(MD) NILCE

*CMG(MD-RM1) VALNAR MUNK-AMB

*F.C ALONÇO - AMB

*CC(MD) NILCE

*CMG(MD-RM1) VALNAR MUNK   - AMB.

*CC(MD) LANA -CIRUR.

*FC ANGELA -AMB

*CC(MD) DANIELLA

*CC(MD) NILCE

*F.C ALONÇO – CIRUR.

*FC LUZIA– CIRUR.

*FC ANGELA -AMB

 
 

*******
*******

 

Corpo docente do serviço

Quantidade de preceptores ou instrutores capacitados em ORL: 10

  • Daniella Leitão Mendes

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF; Cursando mestrado em Neurociências na UNI-RIO; Chefe da Clínica de Otorrinolaringologia do HNMD – Carga horária: 30 horas semanais.

  • Alonço Cunha Viana Júnior

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF  - Carga horária: 40 horas semanais.

  • Lana Patrícia de Souza Moutinho

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF - Carga horária: 30 horas semanais.

  • Nilce Sanny Behrens

 Residência médica em otorrinolaringologia - Carga horária: 30 horas semanais.

  • Carla Ribeiro Andreiuolo

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF; Mestrado em otorrinolaringologia pela UFRJ - Carga horária: 30 horas semanais.

  • Valnar Munk

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF - Carga horária: 20 horas semanais.

  • Mário Cosme da Cunha

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF - Carga horária: 20 horas semanais.

  • Ângela Maria Spinetti Pimenta

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF - Carga horária: 20 horas semanais.

  • Luzia Abrão El Hadj

 Residência médica em otorrinolaringologia; Especialização em Cirurgia de Cabeça e Pescoço - Carga horária: 08 horas semanais.

  • Walter Sedlacek Machado

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF (?) - Carga horária: 12 horas semanais – HM Souza Aguiar

  • Cláudia Maria Valete Rosalino

 Residência médica em otorrinolaringologia; título de especialista pela ABORLCCF; Mestrado em Otorrinolaringologia pela UFRJ; Doutorado em Saúde Pública pela Fundação Oswaldo Cruz – Carga horária:

 

Residentes formados

Daniella Leitão Mendes
Glaucio Duarte
Giordania Gomes Campos
Joao Gustavo Correita Reis
Juliana Vallandro
Leandro Nogueira
Ricardo Belloti
Carlos Eduardo Luna

 

Congressos e cursos realizados

Jornadas Científicas do HNMD: Evento anual

 

Trabalhos publicados

Tumores neuroectodérmicos olfatórios: relato de três casos tratados no HNMD; Olfactory neuroectodermal tumors: report of 3 cases treated in Hospital Naval Marcílio …
CB Montenegro, LCK Silva, V Munk… - Arq. bras. med. …, 1990 - bases.bireme.br

Ototoxicidade: diagnóstico, prevençäo e tratamento; Ototoxicity: diagnosis, prevention and treatment
LCK Silva, CB Montenegro, MCP Cunha… - Arq. bras. med. …, 1990 - bases.bireme.br

ASPECTOS MORFOLÓGICOS DO PROCESSO DE CONSOLIDAÇÃO DE FRATURAS EM CAMUNDONGOS, NA PRIMEIRA SEMANA DE EXPOSIÇÃO À …
DL Mendes… - ARQUIVOS BRASILEI-ROS DE MEDICINA NA - mar.mil.br

 

Temas livres apresentados nos últimos quatro anos

39 CONGRESSO BRASILEIRO DE OTORRINOLARINGOLOGIA -  BH – 2008

NASOANGIOFIBROMA EM IDOSO

40 CONGRESSO BRASILEIRO DE OTORRINOLARINGOLOGIA -  NATAL - 2010

CARCINOMA ADENÓIDE CÍSTICO DE SEPTO NASAL

MÚLTIPLOS CISTOS SUPRAGLÓTICOS DE LARINGE

LEIOMIOSSARCOMA SINCRÔNICO DE FARINGE,
ESTÔMAGO E INTESNINO GROSSO

POLIPOSE NASOSSINUSAL E SÍNDROME DE CHURG-STRAUSS

DOENÇA DE FORESTIER COMO CAUSA DE DISFAGIA E DESCONFORTO EM OROFARINGE

TUBERCULOSE PRIMÁRIA LARÍNGEA E SUAS RELEVÂNCIAS

41 CONGRESSO BRASILEIRO DE OTORRINOLARINGOLOGIA - CURITIBA 2011

A IMPORTANCIA OTORRORRINOLARINGOLOGICA
NA SINDROME DE STEVENS JOHNSON

COMPLICAÇÕES OFTALMOLÓGICAS E NEUROLÓGICAS
EM SINUSITE AGUDA

DENGUE: ALTERAÇÕES COAGULATÓRIAS
E IMPLICAÇÕES PRÉ E PÓS-OPERATÓRIAS OTORRINOLARINGOLÓGICAS

ESTUDO HISTOLÓGICO DAS POLIPOSES NASAIS NOS ÚLTIMOS 2 ANOS EM UM HOSPITAL MILITAR

MENINGITES DE REPETIÇÃO EM PACIENTE COM FÍSTULA LIQUÓRICA TRUMÁTICA

NECROSE DE CARTILAGEM ALAR SECUNDÁRIA A TAMPONAMENTO NASAL

PARALISIA DE PREGA VOCAL UNILATERAL E RABDOMIÓLISE

RECIDIVA DO CARCINOMA ADENÓIDE CÍSTICO SEPTAL